Seguidores

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Homens Imprudentemente Poéticos - Valter Hugo Mãe


Dedicatória e autografo do escritor Valter Hugo Mãe, aquando da sua passagem pela livraria A das Artes em Sines.


"Escolhia palavras como se mudasse a realidade segundo o modo de dizer"

SINOPSE

Num Japão antigo o artesão Itaro e o oleiro Saburo vivem uma vizinhança inimiga que, em avanços e recuos, lhes muda as prioridades e, sobretudo, a capacidade de se manterem boa gente.
A inimizade, contudo, é coisa pequena diante da miséria comum e do destino.
Conscientes da exuberância da natureza e da falha da sorte, o homem que faz leques e o homem que faz taças medem a sensatez e, sobretudo, os modos incondicionais de amarem suas distintas mulheres.

Valter Hugo Mãe prossegue a sua poética ímpar. Uma humaníssima visão do mundo.



Uma luminosa parábola que fica a reverberar muito tempo depois.
José Tolentino Mendonça

As fascinantes personagens deste romance vivem num Japão que é ao mesmo tempo mitológico e íntimo, criado pela imaginação prodigiosa e profundamente poética do autor.
Richard Zimler

Viajei há pouco para o Japão antigo que o Valter Hugo Mãe inventou para o romance Homens Imprudentemente Poéticos e entusiasmei-me deveras. É o mais delicado dos livros do Valter, entretecido com o gesto preciso e paciente de um artesão - aquele que, na definição que está no próprio livro, devolve os materiais à vocação que eles detêm por natureza. Nele o Valter parece um menino a inventar jogos com palavras: uma criança a inventar um Japão falso pelo qual se pode passear e sentir-lhe os cheiros.

Manuel Jorge Marmelo


Ilustrações do livro e capa da autoria de Júlio Dolbeth


26 comentários:

  1. Obrigada por nos compartilhar Francisco!
    Bjs-Carmen Lúcia

    ResponderEliminar
  2. Gosto das ilustrações e levo a sugestão!!!bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma pena os autores não utilizarem mais as ilustrações nos livros.
      Um abraço.

      Eliminar
  3. Nossa, parece fascinante esse livro, boas dicas por aqui, amo ler!
    Abraços apertados amigo Francisco!

    ResponderEliminar
  4. Só o título é incomensurável no que à natureza da alma humana diz respeito. Ser poético é mesmo imprudente (no sentido em que incomoda), sobretudo para quem quer dominar o que quer que seja!
    Excelente partilha, Francisco. Grata! Bjo

    ResponderEliminar
  5. Não conheço essa livro, mais pelo o jeito e muito bom e show de bola, vou ver ele na livraria pra ler depois, tenha uma boa quinta feira. francisco. abraços



    http://nintudo.blogspot.com.br/

    https://plus.google.com/+NinTudo/

    ResponderEliminar
  6. Respostas
    1. De certeza que o meu amigo vai gostar é um conto oriental passado no Japão antigo e fez-me lembrar alguns contos populares que o nosso grande escritor Wenceslau de Moraes recolheu na sua estadia "exílio" no Japão.
      Um abraço.

      Eliminar
  7. Bom como transcreve bem, tudo aqui. Um abraço amigo

    ResponderEliminar
  8. o título em si mesmo já é uma obra de arte...

    abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem toda a razão amigo Manuel e obrigado pela visita e comentário.
      Um abraço.

      Eliminar
  9. Olá, tudo bem?
    Eu tenho muita vontade de ler algum livro desse autor, ainda não tive a oportunidade.
    Beijos
    http://amandastale.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei muito deste e do livro " A Maquina de Fazer Espanhóis".
      Um abraço.

      Eliminar
  10. Olá Francisco! Mais uma vez, nos presenteias com uma bela indicação.

    Abraços,

    Furtado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado amigo Rosemildo pela sua presença e comentário.
      Um abraço.

      Eliminar
  11. Olá, Francisco!

    Não gosto de romances, como já aqui tenho afirmado, mas gosto da escrita de Valter Hugo Mãe, pke tem imensa imaginação e inventa e extrapola.

    BOA E SANTA PÁSCOA PARA SI E PARA OS SEUS.

    Abraços para todos.

    ResponderEliminar
  12. Un placer leerte y lo hago con traductor ....
    gracias por comopartir lo bueno de la vida con nosotros

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...