Seguidores

quarta-feira, 16 de março de 2016

Marcador de Livros - O Coro dos Defuntos


Marcador de livros do Coro dos Defuntos de António Tavares, um livro muito interessante e premiado com o LeYa 2015

Um belíssimo retrato do mundo rural português entre 1968 e 1974.

Vivem-se tempos de grandes avanços e convulsões: os estudantes manifestam-se nas ruas de Paris e, em Memphis, é assassinado o negro que tinha um sonho; transplanta-se um coração humano e o homem pisa a Lua; somam-se as baixas americanas no Vietname e a inseminação artificial dá os primeiros passos. 
Porém, na pequena aldeia onde decorre a acção deste romance, os habitantes, profundamente ligados à natureza, preocupam-se sobretudo com a falta de chuva e as colheitas, a praga do míldio e a vindima; e na taberna – espécie de divã freudiano do lugar – é disso que falam, até porque os jornais que ali chegam são apenas os que embrulham as bogas do Júlio Peixeiro. 
E, mesmo assim, passam-se por ali coisas muito estranhas: uma velha prostituta é estrangulada, o suposto assassino some-se dentro de um penedo, a rapariga casta que colecciona santinhos sofre uma inesperada metamorfose, e a parteira, que também é bruxa, sonha com o ditador a cair da cadeira e vê crescer-lhe, qual hematoma, um enorme cravo vermelho dentro da cabeça. 
Quando aparece o primeiro televisor, as gentes assistem a transformações que nem sempre conseguem interpretar...

- See more at: http://www.leyaonline.com/pt/livros/romance/o-coro-dos-defuntos/#sthash.uLuwqocq.dpuf


29 comentários:

  1. Maravilhoso!
    Sempre com marcadores de facto com qualidade! Gostei do texto!!

    Beijos e um dia feliz

    Coisas de Uma Vida 172

    ResponderEliminar
  2. Um marcador bonito que faz lembrar muito bem os capítulos de suspense e emoção.
    O livro deve ser empolgante, Francisco!
    Abraços

    ResponderEliminar
  3. Deve ser um livro bem interessante!
    Gostei de ler e refletir todo esse texto,pensando no nosso amado Brasil.
    bjs Francisco e um ótimo dia.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  4. Já me tinham falado deste livro, mas a sinopse convenceu-me que é capaz de ser uma excelente leitura... Gracias pela sugestão! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um livro de boa leitura e em que passamos umas horas muito agradáveis a lê-lo.
      Um abraço.

      Eliminar
  5. Já li! Um livro extraordinário, com personagens e simbolismos interessantíssimos. E a narrativa é muito fluída.
    Bom resto de semana, Francisco.
    xx

    ResponderEliminar
  6. Oi Francisco, boa sinopse do livro
    Gostei muito
    Beijos

    ResponderEliminar
  7. Francisco,

    O título é muito sugestivo.
    Baseado em seus comentários, penso que é uma leitura super agradável.
    Abraços e obrigada pelo carinho de sempre.

    ResponderEliminar
  8. Que tema interessante, deve ser uma leitura surpreendente. Um abraço

    ResponderEliminar
  9. Ainda bem que há autores a fazer história dentro da nossa História. Ainda no passado sábado estive no lançamento de um livro que relata um mundo de vivências da zona do Barroso. As aldeias, parecendo estar fora do Mundo, contêm mundos. Esta sinopse é extremamente apelativa!
    Obg pela partilha. Bjo, amigo :)

    ResponderEliminar
  10. É um marcador belíssimo, o livro é bem interessante, é uma história real que ainda acontece nos dias atuais, Francisco abraços.

    ResponderEliminar
  11. Antonio Tavares, parece-me interessante.
    É chamativo,o título e seu resumo garante uma boa leitura.
    obrigada,Francisco
    fica o abraço

    ResponderEliminar
  12. Pela sinopse, parece ser muito bom. Desejo que obtenha um grande sucesso.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  13. Não conhecia o livro.
    Vou ver se encontro por aqui.
    Aquele abraço, bfds

    ResponderEliminar
  14. Olá Francisco
    Deve ser um bom livro. Desejo um ótimo final de semana. Abraços

    ResponderEliminar
  15. no campo, nem sempre é um descanso...
    ontem como hoje, há sempre matéria para um livro.

    agradeço visita e votos.

    bom fim de semana.

    abraço.

    ResponderEliminar
  16. Bom dia Francisco.
    Fiquei empolgada pela sua excelente narrativa. Nome anotando. Uma feliz semana meu amigo. Enorme abraço.

    ResponderEliminar
  17. Olá Francisco
    É uma resenha que instiga a ler o livro, com
    muitos detalhes da vida cotidiana.
    Abraço.

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  18. O marcador é bem giro e pela resenha...a leitura é convidativa!
    Levo a sugestão e bj

    ResponderEliminar
  19. Francisco,
    quando publiquei a referência do Gondin da Fonseca ao meu pai lembrei-me de si! Herdei algumas destas preciosidades.
    O emaranhado do enredo do livro deve dar uma boa leitura. Não conhecia.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  20. Caro Francisco,
    Sabermos, nós brasileiros, do que ocorreu em Portugal e na Europa nesse período (1968 e 1974) deve ser muito interessante. Muito bom amigo.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  21. Faço votos que o mesmo obtenha um grande sucesso. Divulgar bons livros é uma bela iniciativa. Parabéns!

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  22. Você é muito cuidadoso ao escolher a obras e sempre nos mostra livros que despertam interesse, como esse. Pareceu-me ótimo.
    Francisco, aproveito para desejar a você e sua família uma abençoada Páscoa. Abraço.

    ResponderEliminar
  23. Oi Francisco! Passando para agradecer a tua visita e gentil comentário, assim como desejar uma feliz Páscoa para ti e para os teus.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  24. O marcador é giro...o livro nunca li!


    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  25. A minha passagem de hoje, rápida como o voo de uma andorinha, é só para trazer um abraço e desejar uma Páscoa muito feliz, serena, doce, e livre de mágoas.
    Voltarei com mais tempo.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderEliminar
  26. Oi Francisco! Passando para te cumprimentar e desejar uma ótima semana para ti e para os teus.

    Abraços,

    Furtado

    ResponderEliminar
  27. Lembro-me falarem na aldeia do míldio como uma verdadeira praga!
    Gosto de vir aqui e aprender sobre livros e para mim, este marcador é dos mais bonitos e significativos que já vi.
    Boa noite.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...